Notícias

Na Frigorífico Transui, trabalhadores obtém reposição da inflação e PLR

Durante assembleias realizadas na terça (17), os trabalhadores do Frigorífico Transui, de Cosmópolis-SP, aprovaram a renovação do Acordo Coletivo do Trabalho, com reposição integral da inflação do período e uma PLR (Participação nos Lucros e Resultados) de R$ 884,39.

A negociação, conduzida pelo Stial (Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação de Limeira e Região), pertence ao setor de Frios.

Os salários terão um reajuste de 7,59% retroativo a maio, data-base da categoria. O Acordo Coletivo ainda estabeleceu uma Cesta Básica de R$ 238,10, e um Piso Salarial de R$ 1.366,40. “Foi um resultado positivo, diante da dificuldade nas negociações salariais deste ano. Valeu a união dos trabalhadores em torno do Sindicato”, comentou o presidente do Stial, Artur Bueno Júnior.

Durante as assembleias, os trabalhadores receberam cartilhas de orientação sobre a NR (Norma Regulamentadora) 36. A regra normatiza o trabalho em frigoríficos, garantindo a saúde e segurança dos empregados, mas está na mira do governo federal e empresários.

Os trabalhadores manifestaram apoio à campanha “NR 36, só se mexe para melhor”. A iniciativa é da CNTA (Confederação Nacional dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação e Afins), da Contac CUT (Confederação Nacional dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação da CUT) e da UITA (União Internacional dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação).